Episódio 16 – Rumo as Estrelas – 3ª Parte


Rumo às Estrelas


Bem, caros irmãos, neste capítulo encerramos a série em Peirópolis com Langerton. Não pretendíamos aqui um ensaio Biográfico pois sabemos que já se encontra em estudo, sob o amparo de sua abnegada família, um trabalho neste sentido com todas as honras à detalhes que somente eles poderiam ter e que aguardamos ansiosamente o lançamento.

Aqui, nestas linhas vertemos a gratidão e a saudade salutar de quem permanece no bom combate, feliz por ter sido um dos convidados a servir na falange de Eurípedes Barsanulfo.

Aprendemos com este trabalhador de Jesus que o bom mesmo é trabalhar utilizando todos os dons que Deus nos deu nas mais diversas formas.

Ele, Langerton, possuidor de uma mediunidade de alto quilate, foi, o “servente” do Grupo Espírita da Prece, do qual o médium Chico Xavier era o dirigente. Ele esteve na tarefa desta casa por 30 anos! Ajudou com sua fidelidade e dedicação um dos maiores médiuns que o mundo moderno já viu e na solidão do seu trabalho, organizando o ambiente, lapidou o diamante que mais tarde seria também utilizado pela espiritualidade superior no socorro dos doentes!

Peirópolis, quem vai poder esquecer os dias gloriosos em que ele andou por suas ruas? Como não lembrar da voz vibrante enunciando lições que ficariam gravadas a fogo em nossos corações? Como não se impregnar daquela simplicidade iluminada pelo sol do evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo?

Podemos ouvir retumbar as palavras de Jesus:

“Ai de você, Corazim! Ai de você, Betsaida! Porque se os milagres que foram realizados entre vocês o fossem em Tiro e Sidom, há muito tempo elas teriam se arrependido, vestindo roupas de saco e cobrindo-se de cinzas. Mas no juízo haverá menor rigor para Tiro e Sidom do que para vocês. E você, Cafarnaum: será elevada até ao céu? Não; você descerá até o Hades”! Lucas 10:13-15

Sim, vimos as maravilhas que Jesus operou por aquelas mãos em prol da dor do próximo! Ainda ouço ele, nosso professor dizer com veemência:

“- Vai faltar comida em casa, mas não faltará remédio na farmácia”!


Mãos de Luz:


Certa vez ele estava para vir à Jacupiranga com atendimento marcado no sábado às 09 horas da manhã. Obrigatoriamente ele teria que sair de Peirópolis às 22h para, viajando à noite inteira de carro, chegar à tempo para o atendimento. Mas o teste do fiel servidor sempre acontece a qualquer hora e sempre. Eis que na reunião evangélica deste dias chegam dois ônibus, inesperadamente para ele atender na farmácia. A reunião evangélica terminou às 20:00h. Logo após a reunião tinha já o tradicional chá que a sua esposa Dna Ana preparava com muito amor para todos.. Ele entrou para a farmácia às 20:30h e fez uma prece à Jesus para que os espíritos o ajudassem pois ele tinha um compromisso no outro dia e começou atender as pessoas que se acumulavam na porta da farmácia de Homeopatia e Fitoterapia Frederico Peiró. De repente ele viu que outras duas mãos somavam-se às suas para manipular os remédios. Ele pensava em pegar um frasco e o frasco era transportado diante de si e assim foi intensamente movimentado pelos espíritos o atendimento por 90 minutos onde ele pode atender cerca de 80 pessoas.

Ele chegou em Jacupiranga contando alegre. – Hoje me surpreendi na farmácia, tinham quatro mãos trabalhando lá dentro e as mãos luminosas não eram as minhas!

Ficamos pensando na simplicidade com que ele disse isso. Mãos se materializaram em sua farmácia e o ajudaram a manipular os remédios para ele poder atender a um compromisso espiritual no dia seguinte. Realmente é missão para poucos!


O Livro Presentes de Amor


Em Janeiro de 2001 ele lançou o Livro “Presentes de Amor”. Uma coletânea de mensagens que ele psicografou entre os anos 1991 e 2001, mas grande parte das mensagens nesta obra foram recebidas em 2001. Ansiosamente adquirimos o nosso exemplar. Já sabíamos que encontraríamos algumas mensagens do nosso conhecimento mas várias outras estariam inéditas para nossa apreciação como a mensagem de Dom Pedro II (A Pátria do Evangelho), de Joana de Ângelis (O Caminho Libertador) e de João ( As Sábias Palavras). Nesta obra várias mensagens edificantes dos espíritos Eurípedes Barsanulfo e Emílio Luz constam para nossa edificação espiritual. Mas quando li o Livro, sofregamente, saltou em minha mente estas três entidades as quais não eram habituais se manifestar em Peirópolis.

Aproveitando que ele viria a Jacupiranga em meados daquele ano de 2001 aproveitei a oportunidade e perguntei para ele sem Rodeios:

- Sr. Langerton, Joanna de Ângelis?? A mentora espiritual de Divaldo Franco? Ele respondeu que sim, era de fato ela. E me confidenciou que quando ele psicografou a mensagem em 1996,enviou-a ao médium Divaldo Franco pedindo que ele analisa-se e desse um parecer sobre ela. Pouco tempo depois veio a confirmação do Divaldo que a própria Joana fez sobre a autenticidade daquela psicografia em Peirópolis. Ficamos sem palavras para contrapor qualquer outra colocação. Só a admiração que aumentava por aquele homem simples, mas querido pelos bondosos espíritos.

Passado mais um tempo, com o Livro na mão, me aproximei em um intervalo do atendimento e perguntei: – Vô, e esse João? É só João ou tem algum outro complemento no nome? Perguntei isso porque a palavra João o Evangelista não saia de minha mente. Foi ele, João o Evangelista, que através do médium Aristides em Santa Maria, descreveu para Eurípedes Barsanulfo a mais bela tese sobre as Bem-Aventuranças. Quebrando as minhas conjecturas ele respondeu: – Geraldo, Veja a proximidade desta entidade ao pronunciar o nome de Simão Pedro e as atividades do grupo do caminho? Isso é tudo que eu posso te dizer. Você conclui o resto.

Foi mais que uma afirmativa! Já não cabia em mim de tanta felicidade! Tantas revelações em uma tarde! Ele sabia o quanto eu gostava destas revelações, mas acima de tudo sabia igualmente que eu analisava muito as questões antes de aceita-las.


Abaixo, para apreciação de todos as referidas mensagem:



As sábias Palavras.


Meus filhos, nestes instantes venho falar a todos.

A dor está batendo de porta em porta, mas felizes daqueles que tiverem de posse do Evangelho, procurando dar de graça o que de graça vêm recebendo.

Meus filhos, trabalhem mesmo, com muito amor e dedicação; façam esforços para que o mal e a mentira não venham a dominá-los, mas procurem com todas as suas forças colocar as verdades de Nosso Senhor Jesus Cristo em prática.

Caminhem com amor, ao encontro dos companheiros nesta Casa. Lembre-se dos Homens do Caminho, como se reuniam com o nosso amado Simão Pedro, para que fossem desenroladas as palavras do Senhor com a prece de amor; como aquele povo tinha prazer de se reunir naquele ambiente sagrado, para ouvir as sábias palavras e a oração do Senhor pelos lábios se Simão Pedro. E aí está o Evangelho, com as mesmas sábias palavras para contribuir com todos.

Meus irmãos, viagem e dirijam seus passos somente na reta do bem e do amor.

Meus filhos, que Deus esteja com vocês agora, amanhã e sempre.

Paz.

O amigo de todos,


João

(Página recebida pelo médium Langerton Neves da Cunha em reunião pública na noite de 19.01.96 no Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo”, Peirópolis-MG)


O Caminho Libertador


Meus filhos, para libertar nossa mente, nada melhor do que trabalhar com amor nas verdades de Deus.

Procurai entregar-vos aos labores do bem, ajudando vosso semelhante, pois assim vos mesmos vos ajudarei e não duvideis de que aqueles que trabalham pelo bem receberão o bem.

Terão tudo de bom e sentirão em volta de si toda a proteção de amor e paz. Por sua vez, todo aquele plantar o mal irá recebê-lo. Só assim vereis um planeta reformado, que deve começar pela reforma intima de cada um, caso contrário, nada resolverá o progresso humano.

Educação e amor no trato de todas as coisas. Eis as bases da religião. E a Doutrina Espírita, esta doutrina ativa, oferece essas bases para todos.

O Evangelho é uma lâmpada acesa prodigalizando conhecimentos. Tende por base os conhecimentos do Cristo e procurei fazer vossa reforma intima, pois, meus bem-amados, a hora está chegando para que todos testemunhem as verdades do Senhor.

Discípulos de Jesus através da Doutrina Espírita, não tenhais medo de mostrar e falar as Verdades de Jesus a todos os homens!

Langerton, meu filho, tem fé e coragem. Vai adiante!


É hora de a Bandeira de Nosso Senhor Jesus Cristo ser levantada e mostrada a todos, para que todos saibam que fora da Caridade não há salvação.

Caminha e semeai o amor de Jesus. Abraçai o Evangelho com afinco, com muito amor.

Meu filho, Deus te abençoe e ampare, assim como a todos vós que me derdes atenção.

Paz!


Joanna de Angelis

(Página recebida pelo médium Langerton Neves da Cunha em reunião pública na noite de 17.05.96 no Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo”, Peirópolis-MG).


Apenas uma observação à todos: O ano de 1996 foi um ano de muitas batalhas para este servidor de Jesus. Recordemos o que descrevemos no episódio IV quando de sua aparição no Globo repórter. Naquele ano ele desdobrou-se mais do que era possível para atender à tantos apelos da multidão que o procurava e com isso chegou a emagrecer dez quilos. Sua saúde abalou e o plano espiritual o recompensou com o envolvimento em seu manto amoroso, dando-lhe forças e lhe confortando a alma iluminada pelo sol da caridade.


A Publicação dos Livros – os últimos sete anos


Alguns acontecimentos, para quem conhecia a discrição do médium em questão de exposição de sua imagem e do Trabalho que realizava, passou a nos chamar a atenção indicando que ele estava apressando o passo em relação a conclusão de sua missão aqui na terra. Primeiro veio a reportagem no Globo Repórter em 1996 sobre as ervas medicinais, sem nunca falar para que serve as plantas. Ainda neste ano realiza o Lançamento do Livro “Eurípedes Barsanulfo, O Educador” em co-autoria com a escritora Suely Braz Costa, que mais tarde voltaria a lhe apoiar na edição do livro Ministério da Família. A obra sobre a vida de Eurípedes Barsanulfo, enfoca o aspecto de mestre e professor do benfeitor que fundou o Colégio Allan Kardec em Sacramento no ano de 1905. Uma Homenagem que faria a quem tanto lhe amparou e até mesmo tutelou a sua existência.

Cumprindo um dever do coração, já no ano de 1998 lança o Livro “Ministério da Família”, no qual revela lições da sua grande experiência no convívio com portadores de enfermidades de toda a ordem. Muitas delas decorrentes de vícios cujas origens remontam a problemas de convivência no Lar. Em linguagem simples, extravasa o seu amor e sabedoria haurida numa existência fecunda no serviço do bem e da caridade.

No ano 2001, surpreenderia à todos nós com uma coletânea de mensagens que ele psicografou nos últimos dez anos. Era o Livro “Presentes de Amor”, verdadeiro presente espiritual pela raridade com que Eurípedes Barsanulfo se manifesta através da mediunidade, mas que nesta obra estão contidas várias mensagens do benfeitor amigo.

Por fim no ano de 2002, deixa o seu legado de gratidão àqueles que lhe ampararam no início de seu labor na paleontologia e o acolhimento de Peirópolis à doutrina espírita, com o lançamento do Livro “Chamas de Luz”. Nele discorre seus conhecimentos no assunto com muitas revelações e propriedade, de quem aprendeu a matéria em outras esferas, principalmente com a ajuda do seu mentor espiritual Emílio Luz, homenageado na obra.

Perguntei para ele no lançamento deste livro que foi em Jacupiranga em nossa instituição (Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo): – Vô Langerton, qual será o próximo? No que ele me respondeu em tom enigmático: – Creio que já está bom. É um bom legado. Dá para ter um apanhado de tudo.

Sim, com estes livros ele deixava gravado um breve resumo do que mais ele se dedicou em sua vida: O lar, a Paleontologia, a mediunidade à serviço de Jesus, o reconhecimento a quem lhe abriu as portas da missão: Eurípedes Barsanulfo.

Ficamos em profundas reflexões. O passo estava acelerado. Várias viagens e atendimentos, bem como estágios sobre o estudo das ervas naquele ano de 2002. Aguardamos confiantes na fé e no amor de Jesus a ação do tempo sob preces que acima de tudo se cumprisse a vontade de Deus!


Rumo às estrelas


No dia 23 de fevereiro de 2003 estávamos em pleno estágio no Monte Alverne em Brasília com a Caravana do Arco Íris, como acontecia todo o ano no período do carnaval. Partimos de Peirópolis em caravana seguindo nossa viagem com o ele pela BR 050, atravessando Minas, Goiás e chegando no Distrito federal. Ele estava bastante inspirado, como sempre muito disposto.

Essa viagem foi inesquecível por muitas razões. Uma delas foi uma ação espiritual que pude testemunhar com um simples “bom dia” dele. O fato se deu na manhã posterior a nossa chegada em Brasília. Sentia dores de cabeça e uma certa indisposição que nem eu sabia como explicar. Estava pensativo, pois sabia o quanto o dia seria exigente da nossa condição física já que teríamos muito que caminhar, colher ervas, bater o pilão.

Estávamos todos reunidos, com exceção do Vô e comentei com meu amigo que me acompanhou nesta viagem: Hoje vou precisar de um milagre! Nisso o médium Langerton surge na porta com a mão estendida como se quisesse abraçar à todos dizendo firme: – Bom dia pra todos! A dor e o mal estar desapareceram como que por encanto! E ainda sob forte impressão balbuciei: – O milagre aconteceu!

O dia seguiu e o Pilão não parou um minuto se quer! Aquele “bom dia” nunca mais eu iria esquecer.

Desde quando começamos nossas aulas em 1991 o Vô sempre dizia que uma das últimas coisas que ele iria ensinar seria a Gemoterapia como falamos no episódio anterior. Neste último estágio com o médium Langerton todo o grupo estava reunido: a caravana de Jundiaí, Havaré, São Paulo, Santo André, Jacupiranga, Piracicaba, Uberaba, Uberlândia, São Simão, Redenção entre muitas outras.

Muito nos surpreendemos quando ele chamou o grupo em frente a sua casa (um pequeno espaço de um cômodo construída para ele no Monte Alverne) e anunciou a tão esperada aula de Gemoterapia.

Isso nos trouxe muitas preocupações pois a maioria dos presentes não ouviram ele dizer que esta seria a última aula.

Ficamos à postos coma revelação e os sagrados ensinamentos, encantados por aquele mundo novo.

O estágio terminou e voltamos aos nossos lares com todas essas impressões e não escondíamos uma certa angústia no coração, inexplicável.

Dois meses se passaram do estágio em Brasília e chegamos no mês de abril, sem maiores acontecimentos.

O dia 4 de abril de 2003 amanheceu trazendo preocupações para a família do médium em Peirópolis, pois o trabalhador de Jesus não estava se sentindo muito bem. Era uma alteração cardíaca que mereceu uma atenção especial. Em 27 de Outubro de 2000, conforme consta em nota de rodapé do livro Presentes de Amor (pág. 118), o médium já havia experimentado essa mesma indisposição que, sob o amparo do seu mentor espiritual Emílio Luz, restabeleceu totalmente as suas energias e o equilíbrio do corpo físico.

Naquela manhã no dia 04 de abril de 2003 ele vai ao médico para avaliação acompanhado da Sua Filha Paula e retornando a Peirópolis, se prepara para dirigir as atividades da noite (sexta-feira) no centro Espírita Eurípedes Barsanulfo. A reunião evangélica transcorre normalmente sendo concluída com uma bela mensagem ditada pelo espírito Emílio Luz, seu mentor espiritual e outra ditada pelo Espírito Dr. Adolfo Bezerra de Menezes. Após a reunião, como de costume o médium se recolheu para preces antes do repouso. Neste momento de orações, retornava serenamente à pátria espiritual, aos 74 anos de idade.

No dia seguinte, Sábado à tarde já estávamos todos reunidos em Peirópolis, tocados pela emoção da partida do querido professor e amigo, mas confiantes na misericórdia de Deus na certeza de que seguiria rumo às estrelas, onde fulgura radiosa e imorredoura mensagem de amor de nosso mestre Jesus, a todos nós que aqui ficamos.

Langerton foi amigo, fiel à Jesus, obediente, disciplinado, trabalhador, humilde, corajoso, determinado, ético, resignado, confiante, Pai, esposo, um grande médium e um verdadeiro cristão!

Aqui ficamos com um gostinho de saudade, essa humilde homenagem àquele que nos apontou o caminho a seguir, o do cumprimento do dever cristão, deixando para apreciação de todos as duas últimas mensagens que ele psicografou momentos antes de sua passagem ao mundo espiritual.

De nossa parte estamos à postos, mantendo a bandeira da caridade erguida através da fitoterapia, e do esforço na vivência dos ensinamentos do evangelho de nosso senhor Jesus Cristo, e também em honra a todo amor e carinho que ele, Langerton Neves da Cunha, votou ao serviço da caridade em toda a sua existência.

Que Jesus abençoe à todos.

O Amigo e irmão Geraldo P. Nunes

Jacupiranga, 17 de Março de 2015.


As duas últimas mensagens:


Meus irmãos, escutem as palavras dos céus. Os anjos batem seus tambores pelo tempo das palavras de Deus, ensinadas por Jesus Cristo, Nosso Senhor. Portanto sejam firmes com suas tarefas.

Trabalhem e em dia todos receberão seus salários de Deus.

Meus irmãos, Deus vos abençoe.

Paz, o amigo

Dr. Adolfo Bezerra de Menezes

(mensagem recebida no dia 04/04/2003, pelo médium Langerton Neves da Cunha, em reunião pública no Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo – Peirópolis / MG )


Novas Voltas

Meus irmãos, viemos compreender através do espiritismo que a vida sempre continua.

Quantos companheiros no passado ignoravam esta doutrina. Hoje com novas voltas, através das leis da reencarnação, professam este amor. Portanto, vós que estais com a mão na charrua, procureis não distanciar desta ciência, a qual é a luz de amor para todos. Portanto meus amigos, sabeis amar esta doutrina porque são palavras do Cristo, Nosso Senhor.

Caminhem e procurem introduzir estes conhecimentos para quantos lhes procurarem; não deixem de contribuir com as palavras de nosso senhor Jesus Cristo, porque as suas palavras são eternas para todos.

Meus irmãos cumpram os vossos deveres e o resto virá por acréscimo para todos; não vos abaleis com a ciência humana e procurem os vossos conhecimentos espirituais.

Meus irmãos, Jesus está com todos que fazem a sua vontade aqui na terra. Procurem ter paz em vossos corações.

Meus irmãos, Deus ampare à todos. Paz, o amigo de sempre.

Emílio Luz

(mensagem recebida no dia 04/04/2003, pelo médium Langerton Neves da Cunha, em reunião pública no Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo – Peirópolis / MG )

































Atendimento – 1998





































Colheita de Ervas – Cajuru – 1995





































Colheita de Ervas – Araxá – 2001

































Escola Espírita de Fitoterapia – Peirópolis – 1994

































Escola Espírita de Fitoterapia – Peirópolis – 1996

































Laboratório do Langerton – Peirópolis – 1998





































Manipulando Ervas – Brasília – 1998







































Lançamento do Livro Chamas de Luz – Jacupiranga – 2001














































































Palestra – Chá Beneficente – Jacupiranga – 1997













































































































































































































































Emílio Luz









































Dr. Eurípedes Barsanulfo


RETORNAR AO MEMORIAL DE LANGERTON

Fut7 Veteranos